Flores

O desenvolvimento das plantas no mundo, se deu pela evolução das mesmas, e o grande responsável foi o desenvolvimento das flores.

As plantas superiores se reproduzem através do pólen. O pólen são pequenos grãos produzidos pela parte masculina da planta, ou seja, são os espermatozoides das plantas.

Nas gimnospermas o pólen, é transmitido pelo vento para chegar no receptor feminino. Nas angiospermas o pólen, fica localizado na flor.

A flor pode ser chamada de órgão reprodutor de uma planta angiospérmica. A flor atrai um agente polinizador, seja ele um inseto, um pássaro ou morcego. Quando o polinizador chega ali na planta vai se encher de pólen e levará para outra flor que irá receber este pólen.

Geralmente a flor tem o tamanho do agente polinizador e atraem este agente ou pela cor, ou pelo cheiro. Um bom exemplo, são as flores de cor vermelha, que em geral atraem pássaros e por isso não tem cheiro.

O Gênero das Flores

Existem flores hermafroditas e flores que possuem versão masculina e feminina.

Flor-partes

As partes de uma flor

Flor-Partes-Lirio

Partes de uma flor em uma flor de Lírio

Se você olhar uma flor, você irá encontrar algumas hastes, chamadas filetes, esses fazem parte da parte masculina da flor, na ponta desses filetes estão umas pequenas estruturas chamadas anteras. Na antera, são produzidos e armazenados o pólen. O nome do conjunto reprodutor masculino se chama estame.

Na flor também é possível reconhecer a parte reprodutora feminina, o estigma que é a abertura que receberá o pólen. O estigma é grudento, o pólen gruda ali e entra no estilete que é o canal que levará o pólen até o ovário, iniciando assim o processo reprodutivo. A parte feminina da flor é conhecida como pistilo.

Flor-Feminina

Partes de uma flor feminina

flor-mamoeiro-feminina

Flor de Mamoeiro Feminina

Flor-Mamoeiro-Masculina

Flor de Mamoeiro Masculina

 

Flor-Masculina

Partes de uma flor masculina

As outras partes da planta são o receptáculo que é localizada na base das flores, e liga a flor no caule, as sépalas que são a parte mais externa da flor que tem a função de proteger a flor quando é um botão e as pétalas que são a parte interna e geralmente a mais colorida de uma flor, tendo a função de atrair os polinizadores.

Flores sem pétalas

Alguma flores não tem pétalas, e geralmente elas chamam a atenção de outra forma, muitas vezes é uma folha modificada, como é o caso do antúrio por exemplo:

Anturio-Flor-Sem-Petala

Antúrio é uma flor sem pétala

Inflorescência

Há flores que formam flores muito juntas, como um conjunto. São conhecidas como inflorescência. São exemplos as bromélias, lírio da paz e antúrio.

Bromelia-Flor-Inflorescencia

Na bromélia, você consegue ver um conjunto de flores vermelhas.

A flor fecundada dará origem a sementes e frutos. Falarei dos frutos no próximo artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *